Como testar servidor de DNS no Linux

Se você não fez uma configuração manual, seu Linux será configurado para utilizar o serviço de DNS oferecido pelo seu provedor de Internet ou pela sua empresa. Se você não está satisfeito com o serviço de DNS padrão, você pode considerar o uso de outros serviços de DNS público, como o Google DNS, OpenDns, etc. Mas antes de mudar para diferentes servidores de DNS você provavelmente vai querer saber e comparar a velocidade dos servidores DNS disponíveis para encontrar o melhor servidor para você.

Felizmente no Linux, existe uma ferramenta open-source chamada namebench que poderá ajudá-lo a encontrar os melhores servidores DNS para usar. O nomebench pode ser executado no modo de linha de comando ou no modo gráfico.

Veja como instalar namebench no Debian, Ubuntu ou Linux Mint:

Agora basta executar

Se você não estiver usando um terminal X11, namebench irá executar automaticamente na linha de comando avaliando os servidores DNS disponíveis. Se estiver rodando o X11, aparecerá uma interface gráfica, basta clicar no botão “iniciar benchmark” para iniciar o teste do DNS. O namebench irá testar os seus servidores locais bem como os DNS públicos regionais.

8697710464_0cf3cb97f3

 

Quando executado no modo de linha de comando, namebench irá, após a conclusão, mostrar um resumo de benchmarking (por exemplo, configuração DNS recomendada) no terminal como se segue:

 

Para comparar os servidores DNS, namebench realiza pesquisa de DNS em nomes de máquinas encontradas em seu histórico do navegador web, ou Alexa top 10.000. As medições dos testes de DNS gerados pelo namebench são armazenados em /tmp/namebench_*.csv, de modo que você pode fazer qualquer análise personalizada, se quiser.

 

 

Deixe uma resposta

VocÊ pode usar tags e atributos : <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code class="" title="" data-url=""> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong> <pre class="" title="" data-url=""> <span class="" title="" data-url="">